Entre as Ondas e no Meio do Vórtice: Pinturas por Jason Hancock inspiradas em Moby-Dick

 

Datas de Exibição: 1 de Novembro de 2012 –4 de Fevereiro de 2013

 

Vortex (Sunrise)
                    Acima: Vórtice  (Nascer do Sol)

 

Esta seleção de pinturas de Jason Hancock pega em elementos visuais de Moby-Dick para criar uma série de obras que mostram a natureza turbulenta dos mares baleeiros. Enriquecidas pelo nascer e o pôr do sol sobre o oceano, estas peças examinam parâmetros sobre opostos e excessos. O amanhecer e o crepúsculo, óleo e água, obsessão e o vórtice inevitável da sua presunção são prestados para suscitar reações às questões da vida e da morte ao longo de toda a épica obra de Melville. Em Moby-Dick, o chamado do mar ressoou em Hancock, fazendo com que o horizonte aparentemente infinito diante de nós na praia nos faça desejar a aventura, gere  esperança e seja um espaço para questionar o próprio significado. Para Jason a própria noção de que esta extensão do oceano está perto, informou o seu trabalho que esses significados e essas perguntas são facilmente abordáveis.